games
curiosidades
esportes
bizarro
filmes

Curiosidades

Cem bilhões de poemas em um livro de apenas 10 páginas

Em 1961 foi publicado o livro "Cent mille milliards de poèmes", do escritor francês Raymond Queneau que tem apenas dez folhas, e em cada uma delas há catorze tiras horizontais que contêm um verso e formam um soneto.

O leitor pode combinar cada tira (cada verso) de cada soneto com os versos dos demais sonetos, isto é, 1014 combinações, resultando em cem bilhões de sonetos perfeitamente rimados.

É considerado o livro mais longo jamais escrito: segundo palavras do próprio Queneau, para fazer a leitura de todos os sonetos possíveis seriam necessários quase duzentos milhões de anos.

Para os curiosos e colecionadores, o livro continua sendo vendido pela Amazon por módicos 87 dólares.



Compartilhe:




Curiosidades, em 30/10/2010 às 10:13 por Juliane






Comentários:





destaques em Curiosidades

Um dos predadores marinhos mais temido que a Terra já teve

Cientistas descobriram recentemente o crânio pertencente a u [ler+]

12 Paradoxos da viagem no tempo

1) Paradoxo do Avô: Certamente o mais famoso paradoxo tempor [ler+]

As gêmeas que compartilham os sentidos

Os nomes são Tatiana e Krista. Seu caso é um dos mais incrív [ler+]

Conheça a mulher que mais fez cirurgias plásticas no mundo

Cindy Jackson tem 55 anos e é a recordista do Guiness na cat [ler+]

mais vistos em Curiosidades

Qual é a coisa mais nojenta que existe?

Pense em um lenço estranho, de uma pessoa desconhecida, ping [ler+]

9 tradições perigosas ao redor do mundo

Em alguns países islâmicos, é mais do que normal ver mulhere [ler+]

Sagui-leãozinho, o menor macaco do mundo

O sagui-leãozinho ou sagui pigmeu é o menor primata do mundo [ler+]

A aranha mais venenosa do mundo

Extremamente rápida, agressiva e venenosa, a aranha armadeir [ler+]


publicidade

publicidade