games
curiosidades
esportes
bizarro
filmes

Interessante

Cientistas descobrem como nascem as estrelas

Pesquisas realizadas pela ESA (Agência Espacial Europeia), através das imagens do telescópio Herschel, levaram cientistas a concluir que as galáxias não precisam colidir umas com as outras para dar origem a novas estrelas.

A descoberta abriu caminho para esclarecer de forma mais detalhada o processo de evolução das galáxias e faz cair por terra uma hipótese que até então era aceita por especialistas. Mais de mil galáxias foram analisadas durante o estudo, que concluiu que o nascimento das estrelas depende principalmente da quantidade de gases e poeira cósmica existente.

De acordo com David Elbaz, um dos pesquisadores que participou do estudo, quanto mais gás contiver uma galáxia, mais estrelas nascerão. Para Göran Pilbratt, cientista que também participou da pesquisa, a descoberta é importante para compreender como surgiu o universo. “Essas novas observação vão mudar a nossa percepção da história do universo”, afirmou.



Compartilhe:




Interessante, em 14/09/2011 às 15:17 por Juliane






Comentários:





destaques em Interessante

Participe de uma experiência sonora 3D impressionante

Embora a indústria do entretenimento venha a cada dia mais v [ler+]

Escolha novos finais para filmes com uma nova tecnologia

O cinema costumava ser uma arte autoritária — cabia à platei [ler+]

Um misterioso som vindo do Oceano Pacífico!

A foto é uma representação visual de um som alto e incomum v [ler+]

Jovem tem braços artificiais controlados pelo poder da mente

Após perder os braços em um acidente de trabalho há quatro a [ler+]

mais vistos em Interessante

Pesquisadores alegam ter encontrado a cidade perdida de Atlântida

A Atlântida ou Atlantis é uma lendária ilha ou continente cu [ler+]

Designer de moda cria roupas feitas de leite

Anke Domaske, uma designer de moda e microbiologista alemã, [ler+]

Esmaltes diferentes

Se você achava que a criatividade das marcas estava no fim, [ler+]

Britânico perde 1/3 da cabeça em queda brutal

Alan Hind tem 28 anos e vive sem um terço de seu crânio devi [ler+]